Desenvolvimento do bebê

Desenvolvimento do bebê! Como estimular seu filho em cada fase?

Eu sempre acompanhei o desenvolvimento da Monalisa bem de pertinho. Existem “bases” feitas por especialistas que ajudam a gente saber se nossos filhos estão ou não no “ritmo” esperado.

É claro, que não dá para entrar em neura porque cada criança é de um jeito e tem seu tempo, mas também é importante saber para estimular e fazer atividades de acordo com a idade da criança. Pois assim como excesso de estímulo não é bom, a falta dele pode ser MUITO prejudicial para a criança.

Ou seja, está em nossas mãos encontrar o equilíbrio, no entanto uma coisa é FATO, informação nunca é demais.

Por isso vou fazer uma série de posts sobre as fases dos bebês. Serão seis posts, de hoje (segunda) até sábado.

BEBÊ DE 0 a 3 meses

No primeiro mês o bebê não controla nem a musculatura dos olhos. De todos os seus sentidos, a visão é a menos desenvolvida, mas uma coisa que acho maravilhosa é o fato da distância que ele consegue enxergar, sabe qual é? Mais ou menos a distância entre os olhos do bebê e da mãe enquanto está amamentando (peito ou mamadeira), não é lindo?
O bebê não enxerga bem, mas ouve que é uma beleza. A audição começa a se desenvolver a partir do quinto mês de gestação. Ou seja, lá dentro do ninho ele já estava de ouvido ligadinho. No primeiro mês o bebê não controla os movimentos do corpo, são reflexos involuntários.
No segundo mês é a vez de sorrir, o chamado SORRISO SOCIAL, aquele sorrisinho lindo que faz a gente derreter. Ele também já consegue levantar o queixo, sinalizando que o controle da musculatura do pescoço está avançando. Tem também o reflexo de virar o rosto de lado se colocado de bruços quando acordado.
Com três meses ele pode começar a colocar a mão na boca. Parece bobeira, mas é um grande avanço. No final do terceiro mês, o bebê consegue erguer bem a cabeça, o tronco, esticar os braços e movimentar a cabeça à procura de objetos e sons.

DICAS DE ATIVIDADES PARA ESSA FASE
-Converse muito com ele. “Conversar com bebê, Miriam, o que vou falar?” Narre o que você está fazendo. Por exmplo: Vamos colocar a roupinha, olha o umbigo, mamãe tá colocando a fraldinha, aí que cheiroso, é hora do banho, vamo secar esse corpinho lindo..”
-Cante muuuuuuito!!!!! Mesmo que seja desafinada como eu, kkk. Sua voz é perfeita para o bebê.
-Leia livrinhos com figuras GRANDES, faça diferentes entonações de voz. -Passeios no quintal são pura diversão cheio de novidades.

Bebê de 4 a 6 meses

Chegamos aos 4 meses!!! Nessa fase a maioria começa a dormir melhor (ufa). Durante o dia está mais ativo. Sorri bastante. Continua levando tudo para a boca. O bebê chora quando é deixado sozinho, gosta de brincar de esconde-esconde com a mãe que tapa o rosto com as mãos, explora o corpo, pegando o pé ou os genitais. Tocar os calcanhares indica que ele começa a usar a musculatura da perna.
No quinto mês ele começa a girar a cintura. Ficam mais agitados, bem boinitnhos balançando as perninhas.
Com 6 meses, o bebê começa a sentar com apoio de travesseiros e almofadas, porque tem o controle total da parte torácica e da bacia. Os brinquedos precisam estar por perto. Ele começa a emitir sons novos.
DICAS DE ATIVIDADES PARA ESSA FASE

-Ofereça bastante brinquedo mastigável, mordedores, até mesmo paninhos eles gostam de chupar.
– deixe o bebê deitado de bruços num tapete no chão, ou numa superfície lisa e firme. Superviosione sempre, mas mesmo que ele reclame deixe mais um pouquinho , coloque brinquedos ou figuras atrativas por perto.
-Deixe o bebê sentado com bastante apoio , respeite o tempo dele

Bebê de 7 a 9 meses

hegou na fase que eu (particulamente) mais gosto. Acho que a partir dos 7 meses as coisas ficam mais fáceis e mais gostosas. O bebê interage mais, demonstra com mais facilidade o que deseja. Já está sentando sozinho e comendo sólidos.
Com 8 meses já se arrasta, alguns apressadinhos, até engatinham. Consegue pegar objetos com os dedos. Já dá tchauzinho com a mão.
Ao chegar no 9º mês emite novos sons principalmente para chamar os pais. Alguns já demonstram interesse em ficar em pé, se apoiando em algum objeto (não force a barra, espere ele querer fazer isso).
DICAS DE ATIVIDADES
-Deixe ele sentado, coloque brinquedos atrativos e brinque junto
– Tem vídeo de uma brincadeira no meu perfil bem legal: Cole bolinhas (ou brinquedos coloridos) pelo sofá e deixe o bebê um pouco distante, de bruços ele vai querer ir até o sofá.
-Deixe ele de bruços e chaqualhe uma chave um pouco distante, foi assim que Monalisa engatinhou pela primeira vez. E por aí, me conte com quanto tempo seu bebê engatinhou ou como está esse processo?

Bebê de 10 a 12 meses

Eita que a partir de agora o tempo parece que voa. Eles vão desenvolvendo rápido demais! Com 10 meses já tem grandes chances de começar a falar algumas palavrinhas. No nosso caso, a Monalisa começou a falar “dadai” que significa papai. Mas parou aí. Ela é bem mais desenvolvida na parte motora do que na fala e não tem problema nenhum nisso.
Com 10 meses eles não param. Engatinham, querem tentar andar com alguém segurando as mãozinhas. Alguns já andam se apoiando.
De 11 a 12 meses ele vai tentar andar cada vez mais. Nessa fase a maior parte do desenvolvimento é em relação a locomoção. Também tentam dançar, pular (não é pulo de verdade, mas tentam ) .
DICAS DE ATIVIDADES
– Deixe o bebê livre!! Calma, não estou falou que é para deixá-lo sem segurança. É para deixar livre com supervisão. Perecebe a diferença? Evite deixar em carrinho, chiqueirinho, ou grudado em de telas…. Exige mais trabalho e atenção, eu sei, mas vale à pena.
-Converse bastante! Leia livros, cante músicas! 

Bebê até 18 meses (ou 1 ano e meio)

Depois dos 12 meses alguns bebês já estão andando, outros ainda precisam se firmar.

Após os 13 meses a maioria já está andando bem. Com 14 meses já tentam correr e adoram brincar de se esconder. Também conseguem andar de costas . Andar de costas, de lado, são etapas importantes do desenvolvimento. 17 meses conseguem chutar bola em movimento, isso é muito legal!

Quanto à fala é nessa fase que eles vão desenvolver bastante, por isso é MUITO IMPORTANTE conversar, contar histórias, mostrar objetos, passear e falar o que é cada coisa. Pesquisas indicam que a criança aprende bem menos a falar olhando vídeos. A criança aprende interagindo com PESSOAS.

DICAS DE ATIVIDADES
– Levar em parquinhos
-Massinha
-Areia
-Pisar na grama
-Cantar
– Fazer teatro
– Corrida de obstáculos com almofadas

 

 

Deixe seu comentário