Gestação

História de Mãe: Confira o relato de quem adotou dois meninos

Nossa  gestação do amor nossa  história começa assim devido um problema de saúde que eu mamãe edina teve que enfrentar em dois 2010 uma luta de força e coragem contra o câncer de útero onde tive que retira pra pode lutar pra vive foi um processo muito difícil pois naquele momento o mundo desaba a palavra câncer por si e muito agressivo primeira coisa que vem na cabeça e a morte. Foram anos dias meses horas de luta para vencer a doença e hoje com a graça de deus estamos aqui pra conta e compartilha e vive toda essa história de superação. Adoção sempre foi um sonho de esperança, pois meu coração sempre quis ser mãe não importava como biologicamente ou pelo coração o desejo de nos tornarmos pais. Em 15 de dezembro 2015 decidimos com muita fé vive essa gravidez. . Em 2016 fomos habilitados onde foi um momento muito difícil de aprendizado, pois quem pensa que adoção e um processo simples não, não foi muito tempo de preparo em janeiro de  2016 então foi nosso ano a descoberta da gravidez estamos grávidos.onde fizemos todo processo do nosso pre natal  nosso grupo de apoio GAAD  que nos deu todo suporte pra vive essa gestação, nossa gravidez foi um pouquinho diferente ao invés de espera aquela barriga cresce nos esperava o telefone toca dia e noite cuidando esse telefone toca. Nossa doce e longa espera foi de 2 anos  de muita ansiedade e angustias mas sempre tentei manter a calma e aceita o tempo de Deus pois se hoje estou aqui contando essa historia de amor deus me permitiu vive me deu uma segunda chance e sou muito grata pelo Don da vida, e relato aqui que a gente só vai entende esse tempo quando eles chegam por que eles chegam do jeito q a gente sempre sonhou. E nosso pre natal foram tantos momentos.  Ao invés de um exame de sangue ou farmácia., toda aquele fase de espera prepara tudo antes  consultas medicas, a nossa tivemos uma psicóloga, nos fazendo entrevista lembro q nossa primeira entrevista eu e meu esposo quando terminou olhamos um pro outro nos estava encharcado de suor medo anseios como qualquer outra gravidez biologicamente por que nem sempre falando de adoção a gente encontra criança com um passado agradável tem muitas situações difícil que encontramos ate a chegada deles. Foram muitas entrevistas com  assistente social nos falando que existia a possibilidade de estarmos grávidos. Foi  da assistente sócial que houvemos vocês estão grávidos toda documentação do processo esta ok vocês estão na fila da adoção parabéns voceis estão grávidos a confirmação do nosso teste de  gravidez foi o cadastro na fila CNA. Nossa foi a uma sensação tão magica mesmo  Não ouvindo  seu coração bater através de um ultrassom. mas nosso vida mudou quando sentimos o amor no nosso coração. As nossas dores de parto foram as angustiantes semanas de espera por decisões burocráticas. Senti enjoos todos os sintomas de uma gravidez tive a oportunidade de viver intensamente essa gravidez, lembro come se fosse hoje, quando meu coração acelerava dizendo eles estão chegando. Eu trabalhava muito sou enfermeira então a profissão me exigia muita disciplina, pois e outra situação que sou muito grata por pode ajuda as pessoas com minhas mãos por esse Don. E lembro que Deus vinha falando comigo aproveita faz tudo que você tem que fazer que logo as crianças chegam eu tinha muito no meu coração que não seria so uma criança uma bela tarde depois  do trabalho em novembro de 2017 eu passei na casa da minha comadre que já e mãe relata que eu já estava com as dores de parto estava sentindo que as crianças ian chega , relatei todos os meus sintomas pois ate leite eu já estava produzindo os enjoos era uma sensação que não da pra explica so quem já passou por isso sabe. E depois deixei deus agir pois como relatei la em cima a gestação do coração não temos como saber quando será a hora, lembro que em dezembro de 2017 falei pro meu esposo vamos viajar aproveita fazer tudo q queremos que nossos filhos estão chegando as dores de parto continuavam acelerando no meu coração, e assim fomos voltamos em janeiro de 2018  era uma quarta feira cheguei do trabalho coloquei meu celular carrega e vim conversa com o marido sobre o dia quando derepende meu telefone tocou pra quem já viveu isso  sabe o quanto isso e importante minha bolsa estourou as dores das contrações foram pra 8 de dilatação  a pessoa do outra lado falou assim senhora edina você esta na fila de adoção, eu respondi sim, nesse momento eu já CHORAVA  não consegui nem presta atenção, so lembro que ela falou assim seus filhos chegaram eu como seus ela sim dois meninos lindos estão esperando por vocês eu so ia poder pega no meu colo no dia seguinte, alguém acha que dormimos  essa noite claro que não, as  horas não passava ate que mais ou menos 2 horas antes bem antecipados pois o coração vibrava nos estava la esperando pra nosso reencontro de almas o nosso parteiro foi um juiz, sentado em uma cadeira, onde eu tremia toda eu só queria pega meus filhos  em meu colo.   Quando vi no primeiro olhar não tive duvidas que não nasceram de mim mas nasceram pra mim. nossos filhos amado  o primeiro instante não foi tão legal como eu sonhei mas eu tinha que toma providencia eu sou a mae e logo fomos criando afeto confiança  e assim seguimos no processo sem poder ainda trazer pra nossa casa. Ai foi o momento mais difícil eu podia passa o dia com eles e  a noite não, só Deus sabe minhas angustias em deixa eles no lar, nosso medico que é  o juiz nos deu 30 dias  de período de convivência pois como falei toda adoção tem um passado as vezes nada agradável e os meus vieram com muitos traumas, e assim seguimos chegou no quatro dia chegei na minha primeira audiência e falei pro juis olha eu tenho q respeita sua decisão mais eu já estou com minha coberta no carro do lar eu so saio com meus filhos,  e foi a grande surpresa a entrega dia  14\01\2020  eles vieram pra casa nosso lar onde foi um corre pra deixa tudo  organizado pra chegada deles e ai vem outra parte da historia que contarei nos próximos capítulos  foi um misto de sentimentos medos duvidas, e com o passar dos dias deus foi nos capacitando dando sabedoria o amor mais lindo que poderia existe o amor de mãe e filho hoje completamos 2 anos de muito amor cumplicidade entrega. Era este menino que eu pedia, e o Senhor concedeu-me o pedido.
1 Samuel 1:27 

Ser mãe do coração é amar um filho que não geramos em nosso ventre, mas que se fixou para sempre no nosso coração. É chorar, sorrir, sofrer e sonhar com a mesma intensidade que uma mãe de sangue. É proteger e amar incondicionalmente, e reconhecer o nosso filho. É, simplesmente, e apesar do que a genética diz, saber que somos a mãe daquele que é nosso filho, sem importar de o tudo resto! 

Jornalista, pedagoga, mãe e muito mais. Repórter na TV MS RECORD, Revista Celebrar e FM CIDADE 101. Mas o foco desse perfil é falar de MATERNIDADE.

Deixe seu comentário